Me deixe livre

www.pexels.com

 

Me deixe livre. Deixe a minha essência exalar. Me deixe a vontade. Me deixe ir, se eu quiser, volto. Me deixe ser leve. Não quero viver conforme o padrão social, talvez esse padrão não seja pra mim. Afinal, qual a maneira certa de viver?
Se é que existe certo e errado, e não o diferente. Você já parou pra se sentir? Pra perceber o que realmente te faz feliz? O que faz seu coração bater mais forte? O que te dá entusiasmo? Ou está só seguindo o fluxo junto com a maioria?
Se questionar é um processo de autoconhecimento, que trará dor, medo, ansiedade, incertezas, inseguranças, e muito mais questões virão dessa única questão. “Quem sou eu?”. Posso dizer que é um dos mais belos atos de coragem. Coragem de se enxergar.
As vezes a gente pensa tanto que não sente. Pensa em ter mais, mas não pensa em ser. E em movimentos automáticos nos entupimos de coisas que poderíamos viver sem, ao invés de questionarmos que buracos cada um desses objetos estão tapando. Eles estão somente desviando nossa atenção do vazio. Aquele que hoje são cicatrizes daquelas não queremos lembrar, porque dói.

Comentários via Facebook

Comente

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.