Sobre amor próprio

 

 

 

Leve- se para jantar. Se produza para você. Maquie-se e perceba cada traço do seu rosto. Sinta-se bonita. Exale seu perfume. Dance como se não houvesse amanhã. Coma o que gosta. Viva, não sobreviva. 

Não espere que alguém faça isso por você. 

Compre flores, não para presentear, mas compre-as para si; porque você merece cada pétala. Olhe onde você chegou. Sorria por dentro. Seja grata (o). Coloque a música no último volume. Cante o mais alto que puder.

Estude o que lhe dá prazer. Trabalhe com o que te deixa feliz. Não desperdice nenhum minuto com o que não faz sentido para você.

Perceba o limite entre amor próprio e ser egoísta. 

Você não está sendo egoísta, só está se amando, se respeitando.

Porque você aprendeu que se você não fizer por você, ninguém fará no seu lugar. E que se você não der o seu devido valor, ninguém irá enxergar a luz que há dentro de você.

Comentários via Facebook

Comente

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.