Um dia, tudo muda

www.pexels.com

 

Um dia as verdades se esvaem. Os conceitos se vão. Os padrões não definem. A rotina não faz mais sentido. O que era, deixa de ser. E o que nunca foi, é.

E aí nos damos conta de que nada, absolutamente nada é eterno, as coisas mudam em um milésimo de segundo inesperado. E são esses milésimos que nos transformam, sejam eles em forma de um olhar, um beijo, um riso, um abraço ou até mesmo um telefonema…

Comentários via Facebook

Comente

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.